quarta-feira, 23 de junho de 2010

Bem o bastante.




Fui convidada pra participa de um festival de teatro em uma cidade aqui perto. Não que isso não tenha me alegrado mais confesso que fiquei surpresa com o convite.
Não passei muito bem essa semana, e até cheguei a pensa que esse mês não iria acabar bem pra mim, mais parece que as coisas estão melhorando. Procurei por resposta o tempo todo em todo lugar que eu ia e em tudo que eu fazia, menos em você. Achei inútil. Achei que você não ia me ajudar a achar as respostas que você mesmo me fazia procurar, afinal pra que tantas perguntas?
As coisas acabaram fugindo do meu controle, você fugiu também. Mais isso não me assustava, por que você nunca se fazer presente por muito tempo. O tempo não importava só sua presença. Mesmo sendo pouca, mesmo sendo quase nada.
Procurei respostas em outras cidades, em outros abraços, em outros beijos, em outro perfume. Mudei em mim tudo o que você gostava, e me fiz diferente do jeito que ele acha que eu deveria ser com as risadas e com o jeito que ele preferia. Ele não era você, ele não era ninguém na verdade, ninguém que eu me importa-se mais o abraço dele era mas apertado que o seu, mesmo sendo mais forte.
Enquanto você se importava com as criancinhas na África ele se importava com a copa, você chorava de desespero e fazia de tudo pra ter comida paras crianças carentes, ele só fala de carro, futebol e coisas fúteis.como se a própria vida dele já não fosse fútil o bastante.
Sentia o sua falta o tempo todo, mais ele me preenchia. Não tanto como você, mais me fazia bem. Um bem diferente, um bem novo, um bem um tanto quanto triste e confuso,
mas bem.





follow me @anasiiqueiraa. :D

8 comentários:

  1. Uiaaaaa gostei do texto, mto interessante!
    "O tempo não importava só sua presença." vou usar isso no meu subnick kkkkk' #zuei
    mas na moral, vc se expressa mto bem.
    Vai lá no meu. Bjs

    http://minhadiarreiaverbal.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. qe lindo seu texto :'D realmente o "o tempo não importava só sua presença" é demaais *-*
    voce com certeza é uma grande aprendiz de clarice lispector :] gostei dos seus textos ♥

    se quiser passa no meu blog ;D
    http://heyitslarissasene.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. as vezes a resposta é e está em nós...
    Bem interessante seu post...
    ;D

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Olá, adorei o seu blog, principalmente pelas frases belíssimas de Clarice Lispecto, sou fã desta excelente escritora. Parabéns, continue a escrever!

    ResponderExcluir
  6. Que legal, eu faço teatro e sabe, há de te destrair, há de te satisfazer na parte que te falta...Quando me sinto meio para baixo, vou pra aula, tento me cansar ao máximo nas aulas de corpo... o corpo cansa e a alma descansa.

    Só cuida um pouquinho com o português, mas está ótima a linguagem do teu blog.

    Amor é como a arte. Flui naturalmente se te faz bem.

    ResponderExcluir
  7. O texto deve expressar a fase do amor em que te encontras. Essa busca de alguém diferente do que temos ou imaginamos ter.
    Pequenos erros de ortografia e concordância não tiram a beleza do conteúdo.

    ResponderExcluir